Track dos tempos

sábado, 17 de dezembro de 2011

Minha entrevista na Radio Canada International

Olá pessoal...

Na quarta-feira eu dei uma entrevista ao repórter e apresentador Hector Vilar da Radio Canada International, e essa entrevista foi ao ar ontem no programa Canadá Direto. O programa Canadá Direto é um programa apresentado em português pelo próprio Hector e pela Gilda Salomone, que tb dirige o programa.

O assunto da reportagem foram as mudanças no processo de imigração do Quebec que ocorreram no início desse mês. Eu tive a oportunidade de falar um pouco sobre o blog e também dizer como está sendo a repercussão das mudanças no processo através dos comentários que tenho recebido no blog. O Hector ainda conversou com o porta-voz do ministério da Imigração do Quebec, Réal Grégoire, que explicou que os critérios de imigração não mudam.

Para quem quiser ouvir a reportagem, o link é
http://www.rcinet.ca/portugues/chronique/imigracao/11-46_2011-12-16-biq/

terça-feira, 13 de dezembro de 2011

Mudança do escritório de imigração do Quebec de São Paulo para Cidade do México - OFICIAL

Pessoal, já recebi por e-mail o comunicado oficial do BIQ de São Paulo informando a mudança do escritório de São Paulo para Cidade do México, que será dia 1 de janeiro de 2012. Nesse comunicado também consta informações sobre os testes de inglês e francês que já são exigidos desde o dia 6 de dezembro.

Segue abaixo o e-mail em francês e português:
--------------------------------------------
Bonjour,



Nous vous prions de bien vouloir prendre connaissance des changements concernant le processus de dépôt des demandes d’immigration au Bureau du Québec à Sao Paulo :



  •  Nous désirons vous informer que Le ministère de l’immigration et des communautés culturelles du Québec a procédé à la réorganisation des opérations des bureaux d’immigration à l’étranger. À cet effet, les activités du Bureau d’immigration du Québec à Sao Paulo seront transférées à Mexico et à partir du 1er janvier 2012 vous devez envoyer vos demandes de certificats de sélection au Bureau d’immigration du Québec directement à Mexico à l’adresse suivante :

                        Délégation générale du Québec

                        Bureau d’immigration du Québec à Mexico

Av. Taine 411, Col. Bosque de Chapultepec (Polanco)

México, D.F. 11580

Mexique



A noter que les activités de promotion ainsi que les entrevues de sélection continueront à se faire au Brésil.



  • Tous les nouveaux candidats à l’immigration de la sous-catégorie « Travailleurs qualifiés » qui souhaitent obtenir des points à la connaissance du français (requérant principal et conjoint) et de l’anglais (requérant principal seulement) devront dorénavant démontrer leurs compétences en expression et en compréhension orales en présentant, au moment du dépôt de leur demande, les résultats d’un test de compétences linguistiques réalisé auprès d’un établissement reconnu par le Ministère. Les tests acceptés sont, pour le français le DELF ou DALF ou TCFQ ou TCF ou TEFaQ et pour l’Anglais, le IETLS. Pour avoir plus d’informations sur les tests, vous pouvez consulter :
    1. Pour les tests TCFQ, TCF, DELF et DALF : www2.ciep.fr/tcf/Centres/Liste.aspx
    2. Pour les tests TEFaQ et TEF : www.fda.ccip.fr/tef/centres
    3. Pour le test d’anglais IELTS : www.ielts.org

L’application de la nouvelle directive se fera pour les demandes reçues à partir du 7 décembre 2011.



Pour obtenir plus d’informations sur le processus, vous pouvez consulter : www.imigrarparaquebec.ca



Cordialement,

Bureau d’Immigration du Québec à São Paulo



 

Bom dia,



Pedimos a gentileza de tomar conhecimento das mudanças referentes ao processo de envio das demandas de imigração ao Escritório do Québec em São Paulo:



  • Informamos que o Ministério de imigração e das comunidades culturais do Québec determinou a reorganização das operações dos escritórios localizados em territórios estrangeiros. Em razão destas mudanças, as atividades do Escritório de Imigração do Québec em São Paulo serão transferidas ao México e, a partir de 1° de janeiro de 2012, será necessário enviar as demandas de certificado de seleção diretamente ao escritório de Imigração do Québec no México, no endereço abaixo:

                        Délégation générale du Québec

                        Bureau d’immigration du Québec à Mexico

Av. Taine 411, Col. Bosque de Chapultepec (Polanco)

México, D.F. 11580

Mexique


As atividades de promoção, bem como as entrevistas de seleção, continuarão a ocorrer no Brasil.



  • Todos os novos candidatos à imigração na categoria “Trabalhadores Qualificados” que desejam obter pontos no quesito “conhecimento de francês” (tanto o requerente principal como o cônjuge), bem como de inglês (apenas para os requerentes principais), deverão, a partir de agora, demonstrar seus conhecimentos em expressão e em compreensão orais apresentanto, no momento do envio de sua demanda, os resultados de um teste de competências lingüísticas realisado através de um estabelecimento reconhecido pelo Ministério. Os testes aceitos são, para o francês: DELF ou DALF ou TCFQ ou TCF ou TEFaQ e, para o inglês, o  IETLS. Para mais informações sobre os testes requeridos, consulte:
    1. Para os testes TCFQ, TCF, DELF e DALF: www2.ciep.fr/tcf/Centres/Liste.aspx
    2. Para os testes TEFaQ e TEF: www.fda.ccip.fr/tef/centres
    3. Para o teste de inglês IELTS: www.ielts.org 

A aplicação das novas regras se aplica às demandas recebidas no escritório a partir de 7 de Dezembro de 2011.



Para obter informações sobre o processo, acesse www.imigrarparaquebec.ca



Atenciosamente,

Bureau d’Immigration du Québec à São Paulo

terça-feira, 6 de dezembro de 2011

Agora é obrigado o teste de francês e inglês

É isso mesmo pessoal, desde hoje, dia 6 de dezembro de 2011, está sendo obrigado enviar o teste de francês e inglês para quem quer entrar no processo de imigração do Quebec. Para o conhecimento de francês a pontuação máxima é 16 pontos e para o inglês a pontuação máxima é 6 pontos. Quem não enviar os testes não terá pontos para o francês e inglês e mesmo na entrevista não deverá ser considerado pontos para essas categorias.

Essa nova exigência já está publicada no site da imigração do Quebec. O link é http://www.immigration-quebec.gouv.qc.ca/fr/informations/note-competences-linguistiques.html

Nesse link tem mais detalhe e também os teste exigidos.

Abraço e boa sorte pra quem ainda vai entrar no processo.

quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

Mudanças no Processo de Imigração do Quebec

Pessoal, quem está para iniciar o processo de imigração deve correr e tentar enviar a documentação ainda esse ano. Falo isso por 2 motivos que devem entrar em vigor a partir de janeiro/2012. São eles:

1) Esse primeiro é o motivo mais simples. Como o governo do Quebec está cortando custos com a imigração (e um dia a torneirinha deve fechar), então eles decidiram centralizar os escritórios de imigração por continentes, assim o escritório da Ásia será somente na China, o escritório da Europa e África será em Montreal mesmo, e o escritório da América do Sul e Central será na Cidade do México. Com isso o escritório de imigração do Quebec em São Paulo deixará de existir e todo mundo do Brasil, e América do Sul, que quiser participar do processo de imigração deverá enviar as documentações para o BIQ do México, porém as entrevistas devem continuar no Brasil mesmo. Assim o processo deve ficar um pouco mais lento na parte referente ao Quebec.

2) Esse segundo motivo já impacta um pouco mais. O governo do Quebec, querendo cortar custos com a imigração e tb com a francisação, começará à exigir uma prova de francês antes que a documentação seja enviada para abertura do dossiê, ou seja, não é mais possível enviar a documentação antes de chegar ao nível exigido de francês e continuar estudando até a data da entrevista para atingir o nível, pois a documentação somente será aceita se o candidato já tiver realizado a prova e atingido a nota mínima exigida. Com isso o Quebec irá selecionar melhor os imigrantes através do nível de francês, irá diminuir a quantidade de entrevistados, e tb irá diminuir o tempo gasto de um imigrante na francisação já que eles chegaram com um nível melhor de francês. Não sei como será essa prova nem onde será aplicada.

Com tudo isso, se vc já está estudando francês e pensava em mandar a documentação no ano que vem, eu recomendo que vc refaça seus planos, que mande a documentação até o fim desse ano de 2011 e acelere seus estudos de francês. Vc ainda terá um tempo para estudar mais francês até a entrevista e não vai precisar fazer o tal exame.

Bom, assim que eu tiver mais detalhes eu divulgo aqui no blog.

quinta-feira, 24 de novembro de 2011

Primeira neve de 2011/2012

Aeeee pessoal... Só pra registrar, ontem caiu a primeira neve de verdade de 2011/2012 aqui de Montreal. Deve derreter tudo até o fim de semana, já que tem previsão de 12 graus pra sábado, mas já é um começo pra quem está esperando pela neve, como eu, pra começar a descer as montanhas. Meu snowboard já está revisado e só falta montar os blindings (presilhas).

Eu fiz um vídeo da minha sacada da chegada da neve. Segue...
video

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Tradução de documentos brasileiros

FINALMENTE fizemos as traduções de nossos documentos brasileiro para o francês. Esse é um processo que pode ser feito ainda mesmo antes de sair do Brasil, mas nós demoramos um pouco, mais de 1 ano, desde que chegamos à Montreal, pra fazer. Na verdade a gente demorou porque ainda não precisamos dos documentos traduzidos, mas como a Loriane pretende fazer um MBA no ano que vem e ela vai precisar dos documentos traduzidos, então já mandamos bala nessa pendência que tínhamos.

OTTIAQ
A traduções é requerida para quem quer estudar, quem precisa regulamentar a profissão, quem quer prestar concurso público, para fazer a equivalência de diploma, e até mesmo algumas empresas solicitam a tradução, pelo menos dos diplomas, para um residente permanente poder trabalhar, entre outras coisas.

Para a tradução ter validade no Quebec é necessário que o tradutor seja membro da OTTIAQ (Ordre des traducteurs, terminologues et interprètes agréés du Québec). Nós escolhemos fazer com o Emanuel Freitas, que é membro da OTTIAQ  . Ele é bem rápido para fazer o trabalho e não é careiro. Ele cobra por tipo de documento e quantidade de páginas. Ele ainda dá a opção de a gente mesmo digitar os dados do documento a ser traduzido num documento modelo (além disso é necessário enviar o original pra ele), assim tem um desconto, ou deixar pra ele mesmo digitar. Outra opção que ele nos dá é de retirar a tradução pessoalmente no seu próprio apartamento, que fica atrás da estação LaSalle do metro, aí tem mais um descontinho que seria devido ao custo do envio dos documentos.

Bem, os documentos que traduzimos foram as certidões de nascimento e casamento, diplomas de faculdade e pós-graduação, histórico escolares de segundo grau, faculdade e pós-graduação. O processo todo levou 3 semanas pq a gente demorou um pouco pra digitar e revisar as traduções antes da versão final, senão poderia ter sido 1 ou 2 semanas.

Bom, aqui vão os contatos do Emanuel. O e-mail dele é emanuel.freitas@sympatico.ca e o tel dele é (514)768-5963.

Ah, para quem está desempregado o Quebec reembolsa até 300 dólares, por pessoa, das traduções. Quem quiser o reembolso deve perguntar no Emploi Quebec. Nós não temos direito ao reembolso porque eu trabalho.

Agora vamos começar a fazer a equivalência de diploma, mas isso será para um futuro post.

sexta-feira, 14 de outubro de 2011

Dia de Ação de Graças, em Boston

Olá people...

Bom, essa semana, na segunda feira, foi comemorado o dia de Ação de Graças aqui no Canadá, diferentemente dos EUA que só é comemorado em novembro, aqui é sempre a segunda feira da segunda semana de outubro. Esse dia é feriado no Canadá, e as famílias se reúnem para um almoço onde tradicionalmente é servido o peru de Ação de Graças.

Segundo o Wikipédia, a definição para o dia de Ação de Graças é: "O Dia de Ação de Graças (AO 1945: Dia de Acção de Graças), conhecido em inglês como Thanksgiving Day, é um feriado celebrado nos Estados Unidos e no Canadá, observado como um dia de gratidão, geralmente a Deus, pelos bons acontecimentos ocorridos durante o ano. Neste dia, pessoas dão as graças com festas e orações."

Bom, nós aproveitamos o feriado e fomos viajar. Nosso destino dessa vez foi Boston. Logo na sexta já caímos na estrada e nossa ida até Boston demorou + ou - 6 horas. A fronteira estava tranquila e atravessamos para o EUA pelo estado de Vermont. A estrada estava um pouco cheia pq no EUA tb era feriado, mas eles estavam comemorando o Columbus Day.

A cidade de Boston é bem bonita e parece ser um lugar tranquilo para se morar. Fica no estado americano de Massachusetts, e tem muuuuuuuitos brasileiros por lá, principalmente mineiros. A cidade tem muitas universidade, entre elas, Universidade de Harvard, que é conhecidíssima e é a mais antiga dos EUA, MIT, que é uma das melhores universidade de tecnologia do mundo, tb tem a Berklee, que é uma renomada faculdade de música. A cidade é banhada pelo oceano Atlântico e, como estava fazendo 32 graus nesse dia, nós fomos à praia de Revera eu até tentei entrar na água mas é muito gelada. Próximo a Boston tem um paraíso para quem adora fazer compras. É o Wrentham Village Premium Outlets. É um centro de compras com mais de 170 lojas de marcas conhecidas. Vale a pena conferir pois tudo é bem mais barato que nas lojas normais e não paga imposto para roupas e calçados.

Nossa volta foi na segunda feira a tarde e já foi um pouco mais demorada pq tinha mais de 3 km de fila na fronteira pra entrar no Canadá, mas foi tudo bem e não precisamos pagar imposto de nada que compramos no EUA pq não atingimos a nossa cota. Nesse dia nossa cota era de 400 dólares por pessoa pq ficamos mais de 48 horas fora do Canadá. Como estavam eu, Lori e Lara então pudemos trazer 1200 dólares em compras.

Agora vejam aí algumas fotos da viagem...
Rua em Cambridge. Prédios da Universidade de Harvard
Metrô, estação Harvard
Boa vida de Boston
Chegando na praia de Revera.
Praia de Revera, sem ondas e água muito fria
Calor na praia
Prédio mais alto de Boston, com 64 andares
Larinha na Boston Common
Berklee College of Music
Estádio do time de baseball Red Sox
Pôr do sol de Boston
MIT
Visão de Boston
Centro de Boston

quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Canadá é o país com melhor reputação no mundo

Pessoal, hj saiu uma reportagem na revista Exame que mostra um ranking da reputação dos países. E advinhem... O Canadá ficou em primeiro. O Brasil tb aparece na lista e está em 22.o lugar, sendo o melhor país da América Latina, e ainda a frente dos EUA. Esse ranking é chamado de Country RepTrak 2011 e é feito pela Reputation Institute.

O link da reportagem é http://exame.abril.com.br/economia/mundo/noticias/anada-e-o-pais-com-melhor-reputacao-no-mundo-brasil-fica-em-22o

Segue abaixo a reportagem completa da revista Exame:
 ----------------------------------------------
O Canadá é o país com a melhor reputação do mundo por ter obtido 74,76 pontos em cem possíveis na enquete Country RepTrak 2011, que colheu opiniões de 42 mil pessoas sobre 51 países dos cinco continentes - o Brasil ficou apenas com o 22º lugar.

"O Canadá é um país que é bem avaliado porque é atrativo para fazer turismo, tem um Governo que administra com retidão e com ética e possui uma economia sólida", declarou à Agência Efe, Ana Isabel Martínez, porta-voz do Reputation Institute na Colômbia, organização responsável pelo estudo.
Depois do Canadá, vem a Suécia com 74,66 pontos, Austrália (74,25), Suíça (74,16), Nova Zelândia (73,12), Noruega (73,09), Dinamarca (71,53), Finlândia (70,51), Áustria (69,43) e Países Baixos (68,69).

Segundo o relatório do Reputation Institute, "a sólida reputação destes países é atribuída a seus elevados níveis de democracia, sua riqueza per capita, sua sociedade estabilizada e sua posição de certa neutralidade nos conflitos internacionais".


O estudo mediu a confiança, estima, admiração e boa impressão que os indagados, todos eles cidadãos dos países do G8 (Estados Unidos, Reino Unido, França, Itália, Alemanha, Japão, Canadá e Rússia), têm sobre os países submetidos à pesquisa.


O instituto acrescentou que os resultados da enquete mostram que a percepção de segurança do povo e a amabilidade das pessoas são os atributos que têm maior peso na reputação de um país.

Na América Latina, o Brasil é o país com a melhor reputação e ocupa o 22º lugar no ranking global, ao registrar 54,56 pontos, uma nota superior a dos EUA, que marcou 52,87 pontos.

A Argentina se encontra na 24ª posição da lista mundial; o Peru no 28º, Chile, 31º; México, 35º; Venezuela, 38º, e Bolívia, 39º. O último da classificação foi Iraque com 21,78 pontos e o Irã ficou em penúltimo, com 22,65 pontos.


O relatório conclui que "a reputação gera valor econômico, já que existe uma correlação direta entre esta e o desejo de visitar o país, comprar seus produtos e serviços, investir, estudar, viver ou trabalhar nele".

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Fim do causo das malas quebradas

É pessoal, esse caso das malas quebradas pela Air Canada teve um final feliz.

Bom, sei q vcs se lembram que agora em agosto quando voltei pra Montreal com a Air Canada minhas 2 malas despachas chegaram quebradas, como contei no post "Volta pra Montreal". Pois bem, lá no aeroporto mesmo já fui reclamar e o rapaz da Air Canada abriu um dossiê pra mim, verificou os problemas com as malas, e me deu um endereço pra levá-las pra arrumar. Disse que eu tinha até 60 dias pra levá-las. Uns 3 dias depois lá fui eu levar as 2 malas destruídas no tal endereço, que é perto do metrô Jean-Talon (tb tinha uma outra opção de endereço em Laval). Chegando lá logo de cara o atendente me disse que uma das malas não seria possível arrumar e que eles me dariam outra nova. A segunda mala eles iriam fazer o possível pra arrumar mas tb não poderia garantir.

Passou-se quase 1 mês e na sexta-feira passado eles deixaram um recado no meu celular falando pra eu passar na loja pq minhas malas estavam prontas. Hj eu consegui arrumar um tempinho e fui lá na loja, e pra minha surpresa eles me deram 2 malas novinhas, e melhores que as minhas quebradas, e eu realmente não esperava pois já tinha passado por algo semelhante com a American Airlines e eles me deixaram na mão. As malas novas são da Euro Pack, e as minhas que quebraram eram MKK, que eu nunca tinha visto. É claro que essas Euro Pack não são as melhores, mas pelo menos tenho 2 malas novas.

Já no caso da American Airlines, eles conseguiram destruir totalmente 2 malas rígidas de fibra novinhas, e caras, da Swiss, e depois não quiseram pagar falando que as malas quebraram pq estavam muito cheias... Oras, não tinha nem 30kg em cada mala e as malas são feitas pra suportar 32kg tranquilamente. Essa foi a última vez que eu tinha comprado mala cara. Agora mala é só da baratinha mesmo pq o risco de quebrarem e não pagarem é grande. Assim como esse meu caso conheço muitos outros, e a maioria é tb com a American Airlines.

Por causa disso tudo que eu fiquei surpreso com a Air Canada. Sabemos que quem quebra as malas é quem as transportam para/do avião, e esse pessoal não é funcionário da cia aérea. Agora devo mandar um e-mail pra eles informando que estou super feliz com o atendimento pós desembarque e meu caso foi muito bem resolvido.

quinta-feira, 1 de setembro de 2011

As 10 melhores cidades para se viver em 2011

Pessoal, nesta última terça-feira a revista "The Economist" publicou sua lista anual das melhores cidades para se viver. Vancouver, aqui no Canadá, que ficou no topo da lista durante os últimos 6 anos, perdeu o lugar para Melbourne, na Austrália, e ainda perdeu tb o segundo lugar para Viena, na Áustria. Parece que um dos motivos que fez com que Vancouver descesse 2 posições no ranking foi a confução que aconteceu na final do campeonato de hockey deste ano, em que houve um grande quebra-quebra por toda a cidade devido a derrota do Canucks, time de hockey da cidade, para o Bruins de Boston, e o Bruins sagrou-se campeão.

Entre as 10 melhores cidades da lista 7 são canadenses ou australianas. Montreal ababou ficando na 16.a posição, empatada com Paris. Essa posição de Montreal é muito boa pois está a frente de todas as cidades americanas, e tb muitas cidade européias importantes como, por exemplo, Londres, que ficou em 53.

As cidades mais bem colocadas nos EUA são Honolulu em 26.o lugar, Pittsburgh em 29.o lugar, Los Angeles em 44.o lugar, e Nova York em 56.o lugar. Já na Ásia, a melhor cidade é Osaka, em 12, empatada com Genebra, na Suiça, e depois vem Tóquio, em 18.o lugar.

São usados 5 critérios para fazer a avaliação das cidade. Eles são: Estabilidade Econômica, Saúde, Cultura e Meio Ambiente, Educação, e Infra-Estrutura. Esses critérios geram notas individuais de 0 à 100 e cada critério tem peso diferente. No final é dado uma nota que tb vai de 0 à 100.

As 10 melhores cidades e suas notas finais são:
  1. Melbourne - Austrália - 97,5
  2. Viena - Áustria - 97,4
  3. Vancouver - Canadá - 97,3
  4. Toronto - Canadá - 97,2
  5. Calgary - Canadá - 96,6
  6. Sidney - Austrália - 96,1
  7. Helsinki - Finlândia - 96,0
  8. Perth - Austrália - 95,9
  9. Adelaide - Austrália - 95,9
  10. Auckland - Nova Zelândia - 95,7
Aqui vai uma fotinha de cada 1 das 10 melhores cidades.
1 - Melbourne
2 - Viena
3 - Vancouver
4 - Toronto
5 - Calgary
6 - Sidney
7 - Helsinki
8 - Perth
9 - Adelaide
10 - Auckland

segunda-feira, 29 de agosto de 2011

Inscrição para Francisação Noturno

Pessoal, pra quem não pode fazer francisação o dia todo, por exemplo quem trabalha, dia 1 vai abrir inscrição pro Cégep de Saint-Laurent, que é onde eu estudo. Essa é a inscrição pra turma de outono, que vai de 26 de setembro até 11 de dezembro, de segunda, terça e quarta das 18:30hs às 21:30hs.

Pra quem for fazer a inscrição é necessário levar no dia o cartão de residente permanente e o NAS (Numero d’Assurance Sociale). As inscrições somente poderam ser feitas no próprio Cégep a partir das 18:30hs do dia 1 de setembro.

O curso é gratuito e o teste de nível é realizado no dia inscrição mesmo. Eu já fiz a turma de inverno e de primavera de 2011 e não tenho do que reclamar do curso. Agora vou para o último nível do avançado e se eu quiser continuar depois tem mais 3 níveis de escrita.

O endereço do Cégep de Saint-Laurent é 625, avenue Sainte-Croix, Montréal - QC - H4L 3X7.

Quem quiser mais informações pode clicar aqui para entrar no site.

domingo, 28 de agosto de 2011

Como está o Brasil???

É pessoal, depois de ter ficado 32 dias no Brasil e sentido como andam as coisas por lá, posso dizer que nossa imigração foi uma decisão acertada. Eu senti que nada no Brasil melhorou em relação a qualidade de vida, segurança, corrupção, etc... Nesse periodo que fiquei por lá vi acontecer muita coisa de ruim: sequestro de ônibus, juíza morta com 10 tiros, arrastões em restaurantes, hoteis e moteis, sem contar que quase fui atropelado por estar atravessando na faixa de pedestre.

Parece brincadeira, mas depois de 1 ano morando aqui em Montreal e voltar pro Brasil a gente sente bem a diferença.

Mas nem tudo foi ruim... Pude rever muitos amigos e família. É claro q não deu pra ver todo mundo q eu queria. Pude comer umas coisas q só tem no Brasil, como pastel de feira, caldo de cana, esfiha do Habib's (eca, mas gostei!), rodízio de carnes, dadinho, cocada, H2O, etc... Outra coisa boa é q a Lara pode ter mais contato com a lingua portuguesa então agora já está falando praticamente tudo em português. Antes ela estava misturando muito o francês com o português. Agora já está até contando de 1 a 10 em português.

Uma outra coisa que pude perceber é que muitos amigos e até familiares passaram a se interessar em emigrar para o Canadá tb. E já tem alguns que até já estão estudando francês pra poder entrar no processo.

Bom, não quero ficar aqui metendo o pau no Brasil pq ainda é a minha pátria, apesar de todos os problemas, e tb pq esse não é o foco. Mas não penso mesmo em voltar a morar por lá... Vai ser só pra visitar, e talvez a próxima ida será somente na Copa de 2014. Agora vou ficar esperando o pessoal vim do Brasil pra me visitar.

Abraço!!!

terça-feira, 23 de agosto de 2011

Volta pra Montreal

Opa pessoal... Já estou aqui, diretamente de Montreal novamente... Não é nada contra o Brasil, mas eu não via a hora de voltar pra cá... Sabe qdo vc sente que chegou em casa??? Foi isso que eu senti qdo cheguei... Depois, em outro post, eu vou fazer um balanço da minha estada no Brasil, mas agora deixa eu contar um pouco sobre a viagem de volta.

Bom, no sábado cheguei em Guarulhos por volta das 18hs e meu vôo era às 20:10hs pela Air Canada. Normalmente eu curto viajar na janela pq gosto de ficar olhando pra baixo, principalmente qdo o avião vai pousar. Adoro altura, acho q por isso me tornei paraquedista e agora já vou começar um curso de piloto de avião aqui em Montreal. Bem, mesmo chegando mais de 2 horas antes do meu vôo eu não consegui lugar na janela. O vôo já estava lotado e meu assento era bem no meio do avião, e lá nas últimas fileiras. Todo mundo embarcou no horário e aí veio o primeiro problema. Depois que a gente já estava com tudo pronto pra decolar todas as luzes se apagaram e então o piloto anunciou que o avião estava em pane e todo mundo teve que descer do avião. Ficamos mais 1 hora e meia esperando para que arrumassem o problema e aí podemos embarcar novamente e decolar com segurança até Toronto.

Como resultado do atraso eu perdi meu vôo de Toronto para Montreal. Meu vôo partiria de Toronto às 8hs e nós pousamos lá às 7:10hs. Como é necessário passar pela imigração, pegar e re-despachar as bagagens, passar novamente pelo raio x, então é claro q não deu tempo e perdi o vôo pra Montreal. Mas como a Air Canada já sabia do problema, logo que eu cheguei no check-in eles já tinham emitido um bilhete novo pra mim e meu novo vôo seria às 12hs. Bom, esse foi o menor problema.

O grande problema foi com minhas bagagens. Qdo a gente chega no México, EUA e Canadá vindo de fora do continente norte americano é obrigado a pegar todas as malas e re-despacha-las para passarem novamente pelo raio x. Qdo vi minha mala na esteira em Toronto já percebi que tinha algo errado. Estava toda molhada e um cheiro forte de whiskey. Buáááááááááááááááááááá... Minha garrafa de 2,25L de Jack Daniel's tinha quebrado dentro da mala. Ela estava bem guardadinha, tinha até plástico bolha nela, mas nada adiantou. Tb tinha uma garrafa de Amarula de 1L, que eu não tinha nem embalado nem nada e essa ficou inteirinha. Bom, eu abri a mala alí mesmo e joguei os cacos no lixo. Aí vem o policial do aeroporto e começou um interrogatório sobre o q eu joguei no lixo. Mas até agora estava tudo + ou - bem. Qdo cheguei em Montreal, aí a coisa ficou feia mesmo... As 2 malas que eu despachei apareceram toda destruídas na esteira. Quebraram os pezinhos, as rodinhas, e até os puxadores pra carregar a mala. Uma das malas teve o tecido comido como se tivesse sido arrastada no asfalto. Bom, na mesma hora já fui reclamar com a Air Canada. O rapaz que me atendeu foi super simpático e já foi logo marcando todos os problemas com a mala. Aí ele já me deu um endereço pra eu levar as malas paa arrumar e se não conseguir arrumar eles me pagam o valor das malas.

Mas ainda tinha mais, qod cheguei em casa e abri as malas tinha mais coisas quebradas, e que estavam inteiras em Toronto. Coisas de vidro e de cerâmica. Já falei novamente com a Air Canada e eles me informaram que não se responsabilizam pelas coisas quebradas de dentro das malas.

Em fim, eu cheguei meio cansado mas bem. Apesar de todos os problemas que ocorreram, a Air Canada foi sempre bem prestativa. O problema com as malas não é culpa deles pq são os funcionários dos aeroportos que transportam as malas, mas no final eles, Air Canada, que são responsáveis pelas bagagens. Agora já estou em casa e isso é o importante. Agora é curtir o finzinho do verão de Montreal.

Abraço!!!

sábado, 30 de julho de 2011

O Fenômeno Canicule

O que é o Fenômeno Canicule??? Canicule é uma onda muuuuuito forte de calor durante no mínimo 3 dias em pleno verão, ou seja, bem mais forte que a média das temperaturas médias do verão.

Pois é, e pra quem acha que em Montreal não tem calor....oooooooorra, tem até de mais... Semana passada teve o tal do canicule e por alguns dias a temperatura ficou acima de 40 graus, sendo que teve dia q a sensação térmica bateu nos 49 graus. Até com ar condicionado estava difícil de sobreviver. Segundo o Weatherbase, a média de temperatura de Montreal durante o verão é de 26,7 graus, então 40 graus é mesmo acima do normal.

Bom, outro dia eu estava assistindo um documentário na Discovery Channel q falava da mudança do clima no mundo. Uma das matérias desse documentário falava justamente que em Montreal a tendência é ter invernos cada vez menos frios e verões mais quentes. Isso está relacionado ao aquecimento global. Agora uma informação nova é em relação a quantidade de neve que cai em Montreal em relação a Europa. A tendência é cada vez cair mais neve na Europa e menos em Montreal. Isso está acontecendo devida às mudanças das correntes marítimas causada pela dessalinização.

Será que um dia teremos inverno sem neve em Montreal??? Pode até ser, mas acho q não nos próximos mil anos...

Abraço!!!

quarta-feira, 27 de julho de 2011

1 ano de Canadá

Opa gente... Hj estou fazendo 1 ano de Canadá, apesar que estou no Brasil nesse momento e fico aqui até 20 de agosto. A Lori e a Lara farão 1 ano só em setembro.

Bom nesse 1 ano fizemos muitos amigos, alguns se tornaram nossa segunda família, amadurecemos nossa visão em relação ao Canadá, aprendemos muita coisa nova, novos idiomas, novas culturas, mudamos nosso ritmo de vida, e mais um turbilhão de coisas que só quem imigra de um país para outro sabe. Já passamos por todas as fase do imigrante. Primeiro veio a empolgação inicial, depois o questionamento se estamos fazendo a coisa certa e no final uma rotina é criada e a gente começa a caminhar conforme a realidade.

Não vou ficar fazendo comparações ao Brasil pq isso é injusto e sempre gera discussões. Os 2 países tem seus pontos positivos e negativos. Mas posso falar o q é bom e ruim no Canadá, mas especificamente no Quebec, q em alguns pontos é bem diferente do resto Canadá.

Bom, a primeira coisa é que em Montreal a coisa mais rara de se encontrar é um montrealense puro. Parece que todo mundo é imigrante, ou filho de imigrante. Quase 1/3 da população tem descendência italiana, mas tb tem muito árabe, indiano, chinês, africano, latino, francês, ou seja, realmente é uma mistureba geral de povos e culturas. Por exemplo, na escolinha da Lara ela tem amiguinhos mexicano, salvadorenho, colombiano, marroquino, egípcio, chinês, africano, russo, francês, australiano, e tb quebequense. Com tudo isso Montreal se torna uma cidade bem cosmopolita, e todas as diferentes culturas conseguem viver em harmonia.

Um dos maiores problemas para os brasileiros é em relação ao idioma. A maioria chega no Quebec sem um bom nível de francês e alguns ainda com um inglês fraquinho. Com isso fica mais difícil arrumar um emprego, se virar no dia-a-dia, compreender o que as pessoas dizem, etc. O maior conselho que dou para todo mundo que quer imigrar é estude o máximo de francês possível ainda no Brasil.

Outro problema que temos em Montreal é em relação a vandalismo. Em Montreal existem algumas gangues e algumas dessas gangues são jovem q cometem vandalismo. A maior parte desses vandalismo é aplicada aos veículos. Por exemplo, já quebraram 2 vezes o vidro do meu carro. Na segunda vez foi quebrado mais uma porção de vidros de outros carros no bairro. As vezes eles passam riscando todos os carros. Outro dia quebraram um monte de limpador de para-brisa. Mas em relação a nossa integridade física, disso eu não tenho do que reclamar. Em Montreal é muitíssimo raro acontecer um assalto a mão armada. Dificilmente alguém irá colocar uma arma na nossa cabeça, nos ameaçar, ou ir com a gente num caixa eletrônico sacar o dinheiro. O que acontece são pequenos furtos, normalmente cometidos pelas gangues ou algum viciado em droga. Em Montreal a gente pode falar no iPhone em qq lugar, ou abrir o notebook no ônibus ou na rua e ninguém vem nos roubar. É normal a gente ver o pessoal usando o iPad em todo lugar.

Agora vem o maior problema do Quebec. O sistema de saúde do Quebec é público e como qq sistema de saúde público no mundo ele tb está sobrecarregado, por falta de mão de obra qualificada. Tem gente que chega a ficar 10 horas no hospital. É claro que quem chega numa emergência tem prioridade e é atendido rapidamente. Eu já tive que ir ao hospital com a Lara 2 vezes. Nas 2 vezes fui ao Hospital Sainte-Justine e não tenho do que reclamar. Fomos bem atendido e os funcionários, médicos e enfermeiros foram bem atenciosos. Na primeira vez ficamos 2:50 horas e na segunda foi apenas 1:40 hora. No Quebec o sistema de saúde funciona dessa forma: a gente primeiro passa no médico generalista ou no médico de família, que tb é um generalista, e se temos um problema que requer um especialista ele nos encaminha. Os médicos generalistas e de família são escassos, normalmente tem uma fila de espera para se tornar paciente dos médicos de família, e é preciso persistência. Quem não tem médico de família deve ir diretamente a um generalista e é aí que está a demora. Agora nós já conseguimos uma médica de família, Dra.Dolan, na clinica da família do Saint-Mary. Ela é um amor de pessoa e super atenciosa. Cada consulta com ela dura mais de 1 hora e ela pergunta tudo. Ela já passou pra Lori aqueles exames q as mulheres fazendo todo ano. Eu vou fazer um check up geral em agosto. Ela já aplicou as vacinas na Lara. E qdo eu chego atrasado na consulta (quase sempre) ela está lá na sala de espera me esperando. Pra marcar consulta com ela é bem rápido, normalmente consigo uma consulta pra 1 ou 2 dias depois. Eu coisa boa na área de saúde, e que isso só tem na província do Quebec, é que o governo do Quebec paga um % dos medicamentos, então quem precisa de medicamento caro não fica na mão.

Mais um ponto q muitos consideram negativo, mas nós não achamos, é o inverno. O frio é realmente de lascar mas nada que nos faça ficar de molho em casa. A estrutura para o inverno é muito boa. Esse último inverno que passou dizem que foi um dos mais rigorosos dos últimos anos mas nós não deixamos de sair de casa por causa do frio nenhum dia. A temperatura mais baixa foi -32 C ou algo assim, mas a média fica entre -5 C e -10 C. A verdade é que o ser humano se adapta. No meio do inverno, qdo já estamos adaptados ao frio, se fizer 0 graus a gente já sai na rua sem touca e luvas, e já acha fresco. Todos os lugares tem calefação e as roupas são feitas pra suportar o frio sem precisar ficar usando um monte de roupa. O maior problema do inverno é o gelo que pode se formar nas ruas e calçadas e podem causar acidentes, mas pra isso, em Montreal, a prefeitura está sempre jogando sal e brita. Outro problema, pra quem tem carro, é qdo tem tempestade de neve e a gente tem que cavar o carro pra poder sair. A operação déneigement de Montreal é muito eficiente. Logo depois que cai a neve os caminhões já estão nas ruas fazendo a limpeza. Tem um post que eu até fiz um vídeo da operação déneigement. Clique aqui para ver o post. O importante no inverno e não ficar em casa. Pra isso existem muitas atividades, festas e festivais por toda Montreal durante o inverno. Sem contar com os esportes de inverno nas montanhas.

Aí vem o verão, super quente e úmido. Teve dia que a sensação térmica chegou a 49 graus. Muitas noites a temperatura fica acima de 30 graus. Realmente é o extremo do inverno. E no verão a cidade parece que fica mais feliz. Todo mundo nas ruas. Muuuuuitos turistas. Vários festivais e shows gratuitos. Tem as corridas da Formula 1 e da NASCAR. As piscinas públicas e as praias estão sempre cheias. Bicicletas pra todo lado. E muita gente aproveita essa época do ano pra tirar férias e viajar com a família e amigos.

Bom, hj a gente sabe que a imigração não é para qq pessoa. A gente chega num país novo sem nenhum histórico de vida, sem documentos, a maioria chega sem emprego, sem família, sem os velhos amigos, com diferentes culturas e muitos nem falam o idioma. Tem que começar tudo desde o início. Realmente é uma grande mudança e o desafio é gigantesco. No nosso caso achamos que fizemos a coisa certa. A Lara está com 2 anos de idade e já está falando muitas coisas em português e em francês, além de entender tudo em português, francês e inglês. O Lori já está falando bem o francês e já quer entrar num MBA no primeiro semestre do ano que vem. E provavelmente eu vou começar um mestrado no segundo semestre de 2012.

Bem, teriam muitas outras coisas pra ir falando aqui, mas praticamente já tem tudo escrito no blog e assim eu ficaria muito repetitivo. O importante é que estamos adaptados e gostando de Montreal, e assim vamos vivendo a vida, felizes no Canadá e ainda sem planos para voltar a morar no Brasil.

segunda-feira, 18 de julho de 2011

Viagem pro Brasil

aeeeee galera no Brasil... hj (2 feira) estamos indo pro Brasil e chegamos aí amanhã. Nós ainda vamos fazer uma conexão em Nova York. Vamos de Delta até Nova York e depois TAM até São Paulo. Não volta vamos voltar tudo pela Air Canada, com conexão em Toronto.

Bom, eu volto pra Montreal no dia 20/08, mas a Lori e a Lara só vem no dia 15/09. E ao contrário do que muita gente pensa, não vou estar de férias não. Vou trabalhar normalmente. Vou ficar a maior parte do tempo em São Paulo, mas devo passar uns dias em Curitiba tb. Já a Lori e a Lara vai ser o oposto pq elas ficam a maior parte do tempo em Curitiba e passarão alguns dias em São Paulo.

Já vão preparando as churrasqueiras, e já quero logo tomar uma num boteco com mesinha de metal e copinho americano!!! rsrsrsrsrsrs

Abraços e o próximo post será diretamente de São Paulo.

E boa viagem pra gente!!!!

quarta-feira, 6 de julho de 2011

Imagens de Junho/2011

Pessoal, aqui estão algumas fotos de junho/2011. No final ainda tem um videozinho do GP de Formula 1 de Montreal.
GP de Formula 1 do Canadá
Massa tentando passar... Só tentando...
Lara em algum lugar no Porto Velho de Montreal
Porto Velho de Montreal num domingo
Ainda no Porto Velho
Cirque du Soleil - TOTEM
Centro velho (Vieux Quebec) em Quebec City
Ainda no Vieux Quebec
Quebec City
Chateau em Quebec
Família em Quebec
video
 Relargada depois da chuva do GP de F1 do Canadá.

quarta-feira, 29 de junho de 2011

Festival Internacional de Jazz de Montreal 2011

Opa Pessoal… O verão já começou por aqui e com o início do verão vem tb o Festival Internacional de Jazz de Montreal. Esse é um dos maiores festivais de música do mundo, e vem músicos de todos os cantos do planeta, além de um público super variado. É claro que esse festival não toca somente jazz, e muitos shows são gratuitos, mas tem alguns pagos porém os valores não são altos.

Essa edição do festival, que é a 32.a, começou no dia 25 de junho e vai até 4 de julho. Os shows acontecem em vários pontos de cidade, abertos e fechados.

Nós já demos uma passarinha no domingo passado depois que saímos do Cirque du Soleil, e ainda devemos ir outras vezes.

Quem quiser mais informações sobre o festival pode entrar no site oficial clicando aqui.

terça-feira, 21 de junho de 2011

TFI feito

Aeeee PessoALL...

Sexta-feira passada fiz o TFI, que é o Teste de Francês Internacional. Fiz o teste de graça na Université de Montréal. Foi de graça pq o MICC o ofereçe para os alunos da francisação e quem fez a inscrição pra mim foi a Paula justamente pq ela já estuda lá na UdM, e ela tb fez o teste. Ainda bem q tenho a amiga Paula, pq é um teste meio carinho. Valeu Paula!!! Comigo ainda estavam tb fazendo o teste a Dani e a Carol e o Marcelo. Quem aplica o TFI é o ETS (Educational Testing Service), que tb aplica outros testes como o TOEFL pra inglês. As vantagens de se fazer esse teste é que ele é solicitado para se entrar nas universidades francesas no Quebec e na frança. Tb pode ser solicitado para quem quer trabalhar como funcionário público do Quebec. Pode ser solicitado para alguma vaga de emprego de empresas privadas, como a maioria dos bancos o solicitam, além de medir nosso nível de conhecimento do francês e ser reconhecido no mundo todo.

Bom, nosso teste estava marcado para começar as 11hs, mas teve início as 11:30hs. São um total de 180 questões com 1 hora e 50 minutos de tempo para fazer tudo, ou seja, tem que ser rápido e fazer, em média, mais de 1,5 questão por minuto. Todas as questões são de múltipla escolha. As primeiras questões são fáceis e o nível de dificuldade vai aumentando conforme vai se aproximando do final e cada etapa. As questões são divididas em 2 fases: a primeira fase são questões de compreensão auditiva, e a segunda fase são questões de leitura e compreensão escrita.

Na parte auditiva tem uma gravação q passa um diálogo, ou ouve-se um texto, e a gente tem q responder 1, 2 ou 3 questões sobre isso. Só é possível ouvir a gravação uma única vez.

Na parte de leitura e compreensão escrita tem uma etapa que temos que apontar onde está o erro em uma frase curta. Pra mim essa foi a parte mais difícil do teste. Depois vem uma etapa onde deve-se escolher a palavra q melhor completa a frase dada, e aí tem algumas pegadinha então deve-se prestar bastante atenção, mas essa etapa é bem fácil, e por fim, a etapa final são pequenos textos que temos que responder 1, 2 ou 3 questões sobre cada texto.

Apesar de não ter me preparado para o teste, nem ter estudado nadica de nada, eu achei q o teste em si não é muito difícil, pelo menos eu não achei difícil, mas o grande vilão mesmo é o tempo. Tem que ser super rápido e não tem tempo para pensar, principalmente na parte auditiva pois a gravação acaba de falar uma questão e já passa pra outra. Pra mim deu o tempo exato pois na mesma hora q a pessoa q estava aplicando o teste disse que acabou eu marcava a última resposta na minha folha de respostas, mas vi que a maioria das pessoas não conseguiram terminar todas as questões.

Agora é esperar o resultado, que sai no final de agosto, pra saber como eu fui.

Abraços!!!

quinta-feira, 16 de junho de 2011

Les FrancoFolies de Montréal

Pessoal, pra quem está em Montreal tem a chance de aproveitar os últimos dias da Francofolia de Montreal.

Essa é a 23 edição da Francofolia em Montreal. Começou no dia 9 de junho e termina nesse sábado, dia 18. É um evento basicamente voltado para a música francófona, com muitos show gratuitos, mas não todos, e acontece na região da Place-des-Arts. No total, esse ano, estão participando 228 artistas, que cantam diversos gêneros musicais, desde rock, até música clássica.

Vale a pena conferir... Quem foi gostou e disse que mesmo os show sendo de graça não tem aquele empurra-empurra, e cada um respeita o espaço do outro.

Quem quiser mais informações, pode entrar no site oficial do evento clicando aqui.

domingo, 5 de junho de 2011

Imagens de Maio/2011

Pessoal, aqui estão algumas fotos de maio/2011. No final ainda tem um videozinho.
Galera fazendo o primeiro xurras do ano na Île de Soeurs.
Niver da Lori no Baton Rouge
Baton Rouge: Melhor costela de Montreal, e com camarão
Café da manhã na sacada
Lara Fashion
Xurras na praia d'Oka: picanha, linguiça, coração e pão com alho
Galera na praia d'Oka
Larinha brincando... como sempre!!!!
Pronta pra passear, com toda a segurança
Visita à Biosfera
video
 Lara se divertindo e aprendendo a falar algumas coisinhas